Loading...

Objetos úteis e práticos

"Check-list" de viagem:

Perfumes e artigos de higiene: em frascos pequenos de plástico e bem vedados. Se for levar na bagagem de mão, o máximo permitido é de 100ml, ou jogam fora no aeroporto. Alcool gel dentro da bolsa ou da mochila durante os passeios é uma ótima pedida, pois se quiser comer algo na rua ou fazer um piquenique, e não der para lavar as mãos, já ajuda muito! 


Fraldas, ao invés de toalhas de banho: São mais leves e ocupam bem menos espaço na mala, além de secarem super rápido de um dia pro outro, mesmo dentro do quarto sem ventilação. É uma dica legal principalmente se for ficar poucos dias em cada cidade, e em albergues (na maioria não fornecem toalhas, ou existe um custo extra para isto). Dá para comprar por metro em casas de tecido, do mesmo tamanho que uma toalha normal. Existem coloridas e duplas, são bem "adultas" e discretas.

Garrafinha de água: Dar uma de andarilho passando sede é uma das piores sensações e desgasta o corpo. Leve na mochila e vá enchendo em fontes e bicas encontradas em ruas e em praças, a água na Europa é potável.

Filtro solar: Essencial, principalmente em estações quentes. Se tiver preguiça, passar pelo menos 1x antes de sair do hotel.

Cópias reservas do passaporte e documentos principais: 1 em cada mala de viagem (e na bagagem de mão também). É importante caso perca ou extravie os documentos.

Pastinha de plástico (tam.A4): para ir colocando toda a papelada que vai acumulando durante a viagem, como mapas, folders, entradas de museus e etc. Acredite: junta-se muito papel, que serve como histórico da viagem posteriormente, vale a pena guardar.

Capa de chuva ou guarda-chuva: Por mais aventureiro que você seja, não vai gostar de andar na chuva e ficar com a roupa molhada grudando e secando no corpo.

Guia de viagem e mapas das cidades: Se o guia for muito grande, faça xerox da parte que lhe interessa. Menos espaço e peso na mala.

Lanterna: Serve para imprevistos e principalmente se for ficar em quartos coletivos em albergues, pois você pode chegar em um horário em que já existam pessoas dormindo no quarto, e é muito chato ter que acender a luz ou ficar andando apalpando as coisas no escuro para achar sua cama. Já aconteceu comigo, é constrangedor.

Celular: É como bombril, tem 1001 utilidades. Serve para passar mensagens para quem ficou, arquivar alguns dados e contatos de viagem, como lanterna e o melhor: como despertador, para não perder o horário!

Laptop: Levar ou não, eis a questão! Por um lado, faz peso na bagagem e dá medo de deixar no hotel ou de danificar. Por outro lado, é super prático para ir descarregando e catalogando as fotos durante a viagem, além de ser uma opção de comunicação em zonas com wii-fi e em hotéis, sem pagar nada e com total privacidade. Antes de ir, guarde ali filmes, seriados e músicas para ver e ouvir durante a viagem. 

Câmeras fotográficas: É claro que todo mundo leva a sua, mas a dica aqui é se possível levar 2 opções: a de melhor qualidade possível, para fotografar interiores de ambientes e paisagens (tipo profissional ou semi) e uma pequenininha e bem portátil a partir de 3-5Mb, que caiba em qualquer bolsinha e possa ser sacada rapidamente e utilizada em locais muito agitados ou inseguros (ninguém irá se dar ao trabalho de roubar este tipo de câmera de sua mão, a bandidagem costuma saber o que quer!).

Adaptador Universal: Existem muitos tipos de tomadas diferentes, e você vai precisar usar p/ carregar baterias, ligar seu notebook, usar secador ou barbeador, etc. 

Sacolinha de tecido dobrável: para levar na mochila e usar se fizer compras em mercadinhos, ou se sua mochila de passeio lotar. Na europa as sacolas plásticas são cobradas por unidade, e o usual é cada um carregar a sua, de uso permanente. Siga o exemplo, a natureza agradece (na volta, implemente este hábito aqui no Brasil também!).

Sapatos: para passear e fazer turismo os sapatos têm que ser super confortáveis. O ideal é tênis e sandália ou sapatilha baixa, que sejam bem flexíveis
e que não machuquem (já usados e moldados no formato do pé!).  Além disso, chinelo de borracha tipo havaianas, p/ usar se estiver calor, dentro do quarto de hotel e se preciso no banho. Se pretende sair muito a noite ou jantar em restaurantes finos, aí sim leve um sapato social ou um salto. 

Roupas: pesquise a temperatura dos locais em que irá passar, e leve poucas peças, que sejam confortáveis e permitam diversas combinações entre si. Umas 2 calças jeans de cores diferentes, 1-2 bermudas, 2 blusas/moletons, 1 casaco pesadão de frio (se for o caso) e várias camisetas. Não esqueça do pijama.

Remédios: leve um "kit-saúde", com alguns band-aids, anti-séptico, remédios para dor de cabeça e indigestão, além de seus remédios de uso habitual. Se for medicamento de uso controlado é preciso levar receita médica, prescrita em inglês. Seringas de insulina tem que ter autorização do INAC (Instituto Nacional de Aviação Civil). E mais: carteirinha do plano de saúde, se este cobrir atendimento no exterior. Ver se exigem alguma vacina, em caso positivo tomar com antecedência e levar o certificado. 

Outras coisinhas úteis: lixa, cortador de unhas, pinça, tesoura, canivete, fita crepe ou durex largo. Um conjunto de talheres (garfo+faca+colher) pode ser interessante p/ levar nos passeios (oba, piquenique!) ou para comer no hotel algo que foi comprado no mercado, pois comprar saladas, empadões, carnes e outras comidas prontas e levar para jantar no hotel pode ser muito econômico! Já "rangamos" até frango assado assim, bem farofeiro mesmo! :-p

Planejamento de viagem 196841898139894821

Postar um comentário

  1. Patricia Jung1/8/10

    É bom não esquecer de levar também medicações de uso habitual e analgésica.Lembrando que as medicações de uso controlado exigem receita médica em inglês ou francês. Seringas de insulina tem que ter autorização do INAC (Instituto Nacional de Aviação Civil).Checar se é preciso atualizar a vacinação antes da viagem (anti-tetânica, febre amarela).Levar carteira do convênio saúde, caso este cubra atendimento no exterior.

    ResponderExcluir
  2. Opa, obrigada por complementar a informação, vou adicionar no blog para não faltar. Falou uma expert em assuntos médicos! ;-)

    ResponderExcluir
  3. Oi, Simone! Gostei do blog e adorei a ideia do kit básico. Nunca tinha pensadp nisso da fralda, achei bem legal. Vamos adicionar o seu lá no As Viajantes. Bjs, Clarissa

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pela visita Clarissa, e que bom poder ajudar com uma dica nova!! Estou colocando vocês no meu Blogroll também. ;-)
    Até mais!

    ResponderExcluir
  5. Anônimo9/2/11

    Olá, gostaria de saber se vc teria uma dica de onde encontrar capa de chuvas? Pela internet não achei nada :-(
    vc tem capas, onde comprou?

    ResponderExcluir
  6. tenho 2 capas, bem simples, de plástico fininho incolor. O mais fácil é encontrar em lojinhas de utilidades domésticas, tipo 1,99 mesmo ou na Casa China por exemplo(foi lá que comprei). Agora, se procura por capas mais grossas e permanentes, aí infelizmente não sei te indicar.

    ResponderExcluir
  7. Olá! Parabéns pelo blog! Adorei as dicas! Para não correr riscos de malas extraviadas e viajar tranquila, sempre viajo somente com bagagem de mão.
    Neste vídeo dou dicas de como montar uma mala compacta para uma viagem a Europa no outono ou primavera! Pode ajudar muitos passageiros.
    Este é o vídeo (Parte 1 - http://www.youtube.com/watch?v=i_zmrWKRXGI e Parte 2 http://www.youtube.com/watch?v=b2pP1ZrOX40)
    Abraços,
    Cristina Marinho

    ResponderExcluir
  8. Obrigada Cristina! Legal os vídeos e dicas, mas realmente acho dificil manter tudo neste tamanho de mala, ainda mais em viagnes mais compridas, de 2 semanas ou mais! Mas vale a tentativa, realmente viajar só com mala de mão seria mesmo muito mais prático! (E até econômico para quem for usar as cias aéreas low-cost por exempol)

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Página inicial item

Pesquisar no blog

Loja Viagema

Reserve seu Hotel

Celular no Exterior

PARA QUEM AMA VIAJAR

RECEBA NOSSOS POSTS

Curta no Facebook

Leia Também