Loading...

Pamukkale (Turquia): como chegar e sair da região

Apesar de ficar num lugar meio “fora de mão”, é possível ir por conta própria até a região, sem necessidade de contratar um tour. Conto a seguir como fizemos na prática, mostrando também alguns custos e dicas. 


COMO IR DE ISTAMBUL ATÉ A CIDADE + PERTO DE PAMUKKALE (Denizli):

De ônibus- se sair de Istambul, o trajeto demora entre 10 à 12h (depende da empresa e do trânsito), então quase todo mundo pega o ônibus noturno. Os ônibus são confortáveis e seguros, mas é para quem consegue dormir direito. Já li relatos de outras pessoas que foram dizendo que “sim, é bem cansativo”. O valor fica entre 50-55 TL, + da metada da tarifa promocional de avião (que ao meu ver oferece melhor custo beneficio, pois em viagem “menos tempo=mais passeios=não tem preço!”)

De avião- é o modo mais rápido, demora só 1h desde Istambul. Se comprar as passagens com antecedência (2 à 3 meses), os valores são bem atrativos e em conta, aí não vale mesmo o esforço de ir de ônibus. Foi dessa forma que fizemos. Compramos passagens pela www.turkishairlines.com. Média de preço: cerca de R$100 por pessoa e por trecho (pegando tarifa promocional de 59TL + taxas = 94 liras turcas/TL, equivalente a uns R$105...). No site indica que é possível obter tarifas promocionais a partir de 29 / 39 e 49TL, mas na prática não achei estes valores para a data que precisávamos. Mas vale tentar e fazer algumas simulações no site da empresa, pois dependendo da época e se der sorte pode ser mais barato ainda do que o valor que comentei acima!

O aeroporto é minusculo e fica no meio do nada! (só montanhas ao redor)


COMO IR DO AEROPORTO DE DENIZLI ATÉ PAMUKKALE:

Pamukkale em si fica a 70Km de distancia do aeroporto mais perto, que é em Denizli. A solução mais prática e também econômica é pegar um dos ônibus que saem da frente do aeroporto. Pegamos o que ia para a cidade de Denizli (explico melhor abaixo), mas deve ter ônibus que vai de lá direto para Pamukkale também, não deixe de perguntar! (e se não tiver, é só fazer como a gente fez!)   


2 #dicas: Se ainda não tiver a moeda local (lira turca) quando chegar no aeroporto, já faça um saque em um caixa automático ali dentro. E seja rápido! Os ônibus ali em frente só ficam ali parados nos horários de desembarque, as pessoas vão entrando, e conforme ficam cheios eles vão saindo e o local vai ficando vazio (o aeroporto é pequeniníssimo, e no meio do nada!)

Estacionamento em frente ao aeroporto- dali saem ônibus até Pamukkale


Como funcionou na prática: Como não queríamos dormir na cidade (Denizli nem Pamukkale), nossa idéia era ir primeiro até o “otogar” da cidade (rodoviária/ terminal de ônibus central) para poder comprar as passagens do próximo trecho de ônibus, para o final do dia. Portanto pegamos na frente do aeroporto o ônibus que ia até a cidade, foi só chegar ao lado do onibus e falar o nome do local, (ou então leve escrito em um papel para que possam ler e ter certeza => Denizli Otogar). A tarifa custou 7 liras turcas (cerca de R$8), e o trajeto até a cidade duraria quase 1h. Porém, o rapaz responsável pela cobrança dentro do ônibus me questionou aonde eu queria ir, expliquei para ele, e ele disse que poderíamos ir direto para Pamukkale, pois de lá também vendia tickets e saiam ônibus para nosso próximo destino. Ele fez até um desenho num papel (pois ele não falava quase nada de inglês), mostrando que numa bifurcação no meio do trajeto era possível descer e pegar uma mini-van que ia direto até Pamukkale. Quando chegou nesta parada ele veio até nós e avisou, e resolvi arriscar! Pegamos as malas rapidinho e descemos ali mesmo, onde algumas mini-vans já esperavam. Como ali o esquema é “turístico”, o preço já foi mais caro (10 liras), apesar do trajeto ser bem mais curto do que a gente já tinha andado de ônibus até então. De van, foram cerca de 15-20 minutos, em que logo avistamos a encosta branquinha, e pararavm numa ruazinha da cidade, em frente a uma agência de turismo. Um senhor já foi puxando nossas malas para dentro e acomodando no fundo do local, e também mostrando os preços e horários dos ônibus para sair da cidade, pois a gente disse que não tinha hotel nem ia dormir ali. Achamos esta agência "meio informal demais", e então enquanto o marido conversava com ele fui lá fora e andei um pouco mais, até que achei uma outra loja/empresa que indicava que ali vendia passagens de ônibus. O preço inclusive era um pouquinho menos do que o tal do senhor turco havia pedido. Voltei para chamar o marido, expliquei que na outra parecia mais seguro, e levamos nossas malas para lá. Compramos os tickets de ônibus para ir de Pamukkale até Selçuk, saindo as 16h, em uma nova viagem de 3h de duração. A intenção era chegar nesta outra cidade de noite, para dormir lá e na manhã seguinte cedinho sair para visitar as ruínas de Éfesos (ou Ephesus, ou Efes).


Resumão:
PREÇO DO AEROPORTO ATÉ PAMUKKALE: 7 liras turcas* (ônibus) + 10 liras (mini-van)
DURAÇÃO: cerca de 1h-1:15h no máximo
*1 lira turca (TL) = 1,10 reais


# VISITANDO E SAINDO DE PAMUKKALE #


ONDE COMPRAR PASSAGENS DE ONIBUS PARA SAIR DE PAMUKKALE: na ruazinha principal de Pamukkale Town (o lugar é minúsculo), procure pela empresa de ônibus PAMUKKALE, esta da foto abaixo.

Aqui você compra sua passagem de onibus para sair da cidade


ONDE DEIXAR AS MALAS ENQUANTO VISITA PAMUKKALE: Essa era minha grande dúvida quando estava planejando a viagem, pois iríamos com malas grandes e meu medo era não achar um local adequado para deixá-las, já que Pamukkale é um local aberto ao ar livre, e nós não teríamos hotel na cidade, pois estaríamos ali apenas de passagem, chegando de manhã cedinho e já indo embora final da tarde. Tudo se resolveu na própria agência que vende as passagens de ônibus em Pamukkale, pois lá tem uma salinha ao lado do balcão de vendas onde dá para deixar as malas, e ainda por cima é de graça. Pesquisei a opção de deixar as malas no aeroporto de Istambul, e sairia uma grana!


PREÇO DA ENTRADA NO COMPLEXO DE PAMUKKALE-HIERÁPOLIS (entrada conjugada): 20 liras turcas. Para entrar no Museu de Hierápolis são mais 5 liras, opcional, paga na entrada. As “Antique Pools”, conhecida como as “Piscinas de Cleópatra” também são pagas, os valores estão na placa da foto abaixo (porém é possível entrar ali e ficar observando ou comer algo, só paga mesmo se quiser utilizar a piscina e os serviços oferecidos)

Pamukkale e ruínas de Hierápolis ao fundo

QUANTO TEMPO DEMORA PARA VISITAR PAMUKKALE + HIERÁPOLIS: quatro horas para visitar os dois são suficientes. A meu ver, não tem porque dormir na cidade ou passar mais de um dia lá, não tem nada para ver além disso, e a cidade é bem pequena meeeeeesmo, não tem nada para fazer e ver.

Após subir Pamukkale caminhando você acessa Hierápolis, que fica ali em cima
Em Hierápolis você explora a região assim: caminhando

PREÇO DA PASSAGEM DE PAMUKKALE ATÉ SELÇUK (cidade base para visitar Éfeso): 21 TL (lira turca), por um ônibus super confortável, com poltronas reclináveis, ar condicionado e até TV. Foto do interior do ônibus (empresa Pamukkale) abaixo.




Só fique atento! => os turcos nem sempre explicam as coisas direito previamente, eles chegam em cima da hora e te indicam o que fazer. No nosso caso, o horário da saída de ônibus que passaram era 16h, e nos pediram para estar lá 10 minutos antes. Tudo ok até aí. Perto do horário para uma mini-van ali na frente, e embora a gente percebesse que alguns que estavam ali esperando foram até ela, permanecemos na sala, pois quem nos vendeu a passagem falou que seria um “big bus/ not mini-van”(ônibus grande/ e NÃO mini-van). Passou uns minutos, fui achando estranho, e fui lá de novo perguntar... e com a van já quase fechando as portas ele indicou que sim, era ali! (tinha que pegar primeiro a van, para daí ela ir até a rodoviária, e lá sim trocaríamos para o confortável ônibus maior). Podia ter avisado antes não?? Todos os turistas meio perdidos entrando na van, quando antes de partir o rapaz da empresa de ônibus enfia a cabeça lá dentro e fala: “não precisa pagar nada para ele, este trecho até a rodoviária está incluso. Não paguem nada”! Depois disso, o motorista turco saiu e foi nos levando, num ritmo bem “acelerado” por sinal. Deixou todos na rodoviária mas não indicou certinho onde ir. Nessa hora a turistada se une, todo mundo saiu se informando, e rapidinho achamos o local do ônibus e ficamos ali esperando. (tivemos que perguntar, pois não era muito bem sinalizado. Tem que esperar o ônibus da empresa chegar e colocarem a plaquinha na frente indicando o destino final). Em resumo: o ônibus oficial mesmo saiu da cidade em direção à Selçuk as 17h (1h após imaginávamos,por conta desta “tramitação” toda), e chegou lá as 19:45h. Na Turquia este horário já era escuro, pois era inverno (escurecia por volta das 17- 17:30h), mas como eu tinha reservado um Hostel bem pertinho da rodoviária da cidade, perguntamos para um rapaz logo ao descer e ele nos indicou o caminho, então fomos a pé mesmo puxando as malas.


VOCÊ SABIA? Pamukkale é conhecido como os “castelos de algodão” da Turquia, isso por causa de sua coloração branquinha e que parece em flocos, como algodão. Só que na prática não tem nada a ver com isso, assim como não tem nada a ver com neve, embora ao ver fotos do local todo mundo imagina que aquilo é de neve e super gelado. Pois não é! Na verdade, as águas que descem de cima da montanha são quentes inclusive. (o que não impede do chão ser gelado ao pisar, afinal fomos no inverno!) Para subir a “montanha”, que na realidade é formada por calcário, é necessário tirar os sapatos, para não estragar e nem sujar o local (não é à toa que ele se mantém tão branquinho!).


PAGUEI MICO, MAS #FICA A DICA: O rapaz que controla a entrada das pessoas me disse que eu podia ir de meia sim, porém o rapaz que fica lá em cima quase teve um surto quando me viu com a meia, que na verdade era no formato de uma sapatilha, pois achou que eu estava de sapato e começou a gritar lá de cima para a gente parar e tirar! Não adiantou gritar “it’s just socks”(são só meias!) que ele não entendia e insistia na gritaria para tirar. Resultado: uns 100m antes de chegar lá no topo, tive que tirar tudo! E porque essa frescura de meia? Porque eu estava gripada e cheguei a tomar antibióticos poucos dias antes de sair do Brasil, e como ainda estava me recuperando quis proteger os pés um pouco mais do piso gelado e da água. Coloquei uma meia estilo sapatilha (aquelas para Pilates, com bolinhas de borracha embaixo), uma saco plástico para isolar agua e outra meia por baixo, que deveria permanecer seca, porém não deu muito certo pois entrou agua em um dos pés (o outro ficou sequinho)... De qualquer forma, é uma tentativa válida, e fica como opção para quem não quiser ir descalço! (PS: eu realmente mostrei meu pé com  a meia e o segurança da entrada permitiu, não é ilegal e nem “jeitinho esperto de brasileiro” não!)


Meia + plástico + meia (funcionou bem - mas podem te chamar a atenção por isso!)

Quer mais informações e dicas sobre como se locomover na Turquia? Leia aqui!
E dicas de deslocamento na região de Éfeso é neste post! ;-)


Turquia 7068885224255382347

Postar um comentário

  1. Oi, Si. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem. Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie - Boia Paulista

    ResponderExcluir
  2. Opa, que legal o blog ser selecionado mais uma vez, já até divulguei nas redes sociais! ;-)
    Para quem ainda não conhece, link da nossa página no FB => www.facebook.com/flashesdeviagem

    Obrigada e até mais!

    ResponderExcluir
  3. Que fotos incríveis! Parabéns, Si!

    ResponderExcluir
  4. Excelente texto, como sempre. Parabéns, Si!

    ResponderExcluir
  5. Oi Simone, muito bonitas suas fotos e seu blog. Fui a Pamukkale recentemente e viajei de novo com vc. Fiz um trajeto um pouco diferente, a partir de Kusadasi, e o clima estava bem diferente também, escaldante!
    Gostei da sua ida à EUR em Roma, bem diferente. Também gosto de explorar as coisas mais locais. Abraços e sucesso com o blog.

    ResponderExcluir
  6. Oi Simone,

    Vou viajar agora em agosto para a Turquia! Vc saberia me dizer o preço do ônibus de Pamukkale a Selçuk? E saberia me dizer se há o trecho inverso? Porque no site da cia Pamukkale só dá erro, quando tento ver qualquer trajeto e os valores. Obrigada! Seu blog é excelente e as dicas preciosas! Vou aproveitá-las muito!

    Beijos

    Luiza

    ResponderExcluir
  7. Oi Luiza

    O preço da passagem está no próprio texto deste post, leia com calma que está lá, junto com a foto do interior do ônibus.
    Sim, com certeza tem o trecho inverso, deve ser o mesmo preço. Dá para comprar a passagem direto lá.

    ResponderExcluir
  8. Anônimo11/5/13

    Simone
    Parabéns pelo blog e as informações são extremamente uteis e com certeza ajuda os turistas. Pretendo ir para a Turquia em agosto e visitar Pamukkale e as dicas claras que você explicou fornecem uma segurança importante para outros viajantes. Agora vou trocar moeda no aeroporto de Istanbul para chegar com lira turca para conseguir pagar o transporte do aeroporto de Denizli até Pamukkale. Obrigado pelas informações e dicas.
    Um abraço.
    José Luiz

    ResponderExcluir
  9. Anônimo28/7/13

    Olá Simone, eu e meu esposo estamos indo para Turquia em setembro, e estamos seguindo todas as dicas de vocês rsrs... porém surgiu uma dúvida havíamos reservado um hotel em Pamukkale pois queremos tomar banho após entrar nas piscinas, você sabe se no complexo Pamukkale tem a opção de vestiario com chuveiro? neste caso não precisarímos reservar hotel pois pretendemos ir embora no mesmo dia como vocês fizeram.

    ResponderExcluir
  10. Oi (anônimo acima)! ?

    Se você for entrar nas "Antique pools", mais conhecidas como "piscinas de Cleópatra, aí não precisa reservar hotel para banho não, pois lá tem vestiário com chuveiro. Acho que deve valer a pena ir lá, é um lugar gostoso, com vistas bonitas, e piscinas térmicas bem quentinhas (acredito que bem mais que as aguas de Pamukkale). Fica logo na entrada de Hierápolis, já lá em cima, é só seguir reto. É pago só se for usar as piscinas (a gente entrou só para olhar e não pagamos nada).

    ResponderExcluir
  11. Livia Melo3/4/14

    Oi Simone, tudo bem?? Ótimas dicas, estou amando!!! Vou fazer o trajeto inverso do seu, sair de Istambul para Éfesos e de lá para Pamukkale. Estou com algumas dúvidas, veja se consegue me ajudar:

    1. Vi que Éfesos dá para se visitar bem rápido, então pensei em pegar o ônibus no fim da tarde para ir para Pamukkale. Sabe dizer se de Éfesos tem ônibus por voltar do mesmo horário que você pegou, 16h?

    2. Sabe dizer se o ônibus de Éfesos para na rodoviária de Denizili ou vai até a cidadezinha de Pamukkale? Se não souber, sabe de algum site que eu possa me informar?

    3. Vi em um site de uma agência de viagens um daytour visitando os seguintes pontos: The ancient city of Hierapolis, Necropolis,Theatre, Roman Bath, Agora, Travertines, Karahayıt red springs and Pamukkale Naturel Lake and Park. Dá para fazer todos esses a pé?

    4. Pode-se ficar o tempo que quiser nas piscinas de Pamukkale e nas da Cleópatra?

    Obrigada!!

    ResponderExcluir
  12. Oi livia
    Não sei te ajudar nas perguntas 1 e 2.
    Na questao 3 é possivel, pois hierapolis é logo acima de Pamukkale. Tudo a pé e em um dia ou tarde é tranquilo. Não precisa tour se não quiser, é tudo aberto e facil de transitar.
    4- em pamukkale sim é livre, mas nas piscinas de cleopatra se não me engano é por hora ou período, com valores fixos

    Espero ter ajudado!

    ResponderExcluir
  13. ola sabe se tem bus p grecia saindo de pumakkale?

    ResponderExcluir
  14. Não sei te dar certeza Marcia, não lembro de ter visto indicação. Se sim, é bem provável que seja como foi o nosso, onde na verdade uma van buscou e levou até a rodoviária da cidade de Denizli, e de lá é que partiam vários ônibus grandes e mais estruturados para diversas localidades.

    ResponderExcluir
  15. Anônimo12/4/15

    Oi Simone, tudo bem?
    Estou indo pra Turquia agora em maio e pretendo visitar Pamukkale.
    Vc sabe se as atrações são abertas todos os dias, inclusive nas segundas?
    Pois é justamente nesse dia que quero ir, mas vi uma informação em um site que me deixou confusa.
    Obrigada desde já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! tente verificar em alguma página oficial de turismo em Pamukkale, não sei te dizer com certeza. Acredito que Pamukkale em si, e as ruínas de Hierápolis nunca fechem, pois são lugares muito turistico e aberto. O que talvez feche são as Piscinas de Cleopatra, que é como um clube com termas (não juito grande) na entrada de Hierapolis, logo que chega no topo de pamukkale. Mas não é um lugar imprescindivel ao meu ver não. A gente só entrou para ver (só olhar é gratuito), mas não utilizou as piscinas, que estavam vazias por sinal, já que estava frio.

      Excluir
  16. Nossa que saudade de pamukkale! Quero ir no verao agora! Fomos no inverno apenas :p tava 7 graus fora da agua, ficamos só com os pézinhos :) http://casalnomade.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  17. Anônimo19/7/15

    Gostaria de me informar com qualquer pessoa acima sobre: Fui já a Turquia três vezes a procura das ruinas da Igreja de Laodicéia. Me disseram que fica próximo a Dislin ou Pamucalle. Partindo de Ezmir como devo fazer para ir as ruinas da Igreja de Laodiceia. Tenho 79 e preciso de uma ajuda séria como chegar à ruinas. Pergunto: vou a Paukalle ou a Dinslei. benonisouzalima@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lamento não poder lhe ajudar nesta pergunta.
      Vou deixar o comentário aqui caso alguém saiba responder.
      Boa sorte!

      Excluir
  18. Gostaria de saber se dá tempo e é possivel por exemplo eu pegar um avião de manhã em Istambul para Denizli e pegar um bus para visitar Pamukkale e depois fazer a volta no mesmo dia para Istambul. Gostaria de dicas, ficarei agradecido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. viável até pode ser, mas acho bem corrido, Lucas!
      Mas se o vôo for bem cedo, e o da volta de noite mesmo, pode dar tempo sim. O passeio de subir e descer Pamukkale deve levar umas 2h em média, mas se quiser visitar Hierápolis e as "Piscinas de Cleópatra" já vai gastar mais tempo, umas 2h a mais.
      Lembrando que para pegar um avião você deve estar NO MINIMO 1h antes no aeroporto, para vôos domésticos. E o deslocamento até aeroporto é um pouco demorado também, acho que levou uns 40 minutes.
      Consulte o site www.rome2rio.com para ver as sugestões de trajetos, tempo gasto e preços entre Istambul e Pamukkale.
      Boa viagem!

      Excluir
  19. Obrigado por me responder...

    Ah é verdade eu tenho o rome2rio mas tinha ate esquecido.

    Entao eu chegarei la dia 26 a noite, terei dia 27 e meu voo para outro destino so sera dia 28 entao o dia 27 é completo mesmo livre.

    Ficarei agradecido pelas dicas do que fazer :)))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      É aquilo mesmo que citei acima o que tem para fazer:
      - Subir e descer Pamukkale
      - Visitar as ruínas históricas de Hierápolis
      - banhos termais (quentes) nas "Piscinas de Cleópatra"

      A cidade em si não tem muito o que ver e fazer, somente umas lojinhas, restaurantes pequenos e algumas vendinhas de artesanato. E é minúscula!

      Excluir
    2. Realmente perdi de fazer um stopover maior, não conheco nada da Turquia, e pelo que vi rapidao o que poderia fazer de mais legal pelo tempo disponível me pareceu Pamakkale. Agradeço pelas dicas, mas o que penso tambem é, tipo vale a pena, sera que não é melhor conhecer Istambul talvez. Enfim, acredito que até la eu defina certinho, valeis ;) e obrigado pela boa viagem tbm. Abs

      Excluir
  20. OLA, VOU PARA TURQUIA, CHEGO EM ISTAMBUL Em maio 2016, pelo que vi melhorficar 4 dias em Istambul, dai pego um voo para Kayseri para ficar 3 dias na Capadocia, ai gostaria de ir a Pamukale, mas é longe, dai teria que pegar outro aviao? e para Efesos vale a pena, como eu iria?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Cintia! expliquei um pouco sobre as formas de deslocamento em outro post do blog. Tanto faz se for Istambul- Capadócia - Pamukkale ou o inverso, depende do que achar de vôos disponíveis e do preço. Fizemos Istambul- Capadócia primeiro, mas entrando pelo aeroporto de Nevsehir que era mais barato. E depois avião de lá para denizli (Pamukkale). De lá para Ephesos e Izmir de trem, e de Izmir voltamos para Istambul de avião. Existem onibus noturnos que saem de Istambul para estes lugares, mas o trajeto é longo e dura cerca de 12 a 14 horas.
      Achei que Efesos valeu a pena sim, gostei de ter ido!
      Mas entre os 3 locais, se tiver que escolher um só, a Capadócia é o mais imperdivel ;-)

      Excluir
  21. romulo12/8/16

    tem como trazer um pouco de agua termal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem não, Rômulo!
      Inclusive é proibido tentar tirar água do local, já que a cada ano a reserva natural já vem diminuindo.
      E não teria motivo para isso, ela não tem nada de "mágico" além de ser uma água calcárea, e no aeroporto tb impediriam.

      Excluir
  22. Anônimo16/1/17

    Olá Simone ...
    Você acha que acordando em Selçuk, acordando bem cedo, é possível, no mesmo dia, ÉFESO+CASA DE MARIA+PAMUKALLE?? Considerando que estarei com carro alugado? Desde já, agradeço por compartilhar sua experiência e nos ajudar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, não é impossível, mas que vai ser corrido vai! O deslocamento entre as cidades vai te custar umas 3h do dia. Considerar também que Pamukkale fecha cedo, provavelmente antes de escurecer, então não dá para chegar lá ao final do dia, e tem épocas do ano que escurece mais cedo. Mas vai da sua vontade, vai ter que olhar tudo de forma bem rápida e torcer para não dar de cara com filas ou algum congestionamento/problema na estrada.

      Depois nos conte se der certo! ;-)

      Excluir
    2. Estou programando de ir em Julho ... e acho que pode escurecer um pouco mais tarde. Estou pensando em ÉFESO+CASA DE MARIA de 08:00 até 12:00 .... 1 hora para comer algo e 3 horas para chegar lá. Fico de 16h até o horário de fechar .... Esse é o plano ... rs
      Obrigado pela resposta!

      Excluir
  23. Olá, estou programando um mochilão e gostaria de saber se você pode me ajudar em uma questão... Eu quero ir pra Pamukkale... mas depois do meu dia lá você saberia me dizer se tem alguém/vans/transporte que me leve de volta para denizli otogar para que eu possa pegar o onibus e seguir viagem pra onde eu vou(gorome)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem sim, Louise! Leia o texto novamente com calma e vai ver que está tudo explicadinho ali. Nós fomos de lá para o outro lado (Éfesos), mas para Goreme (Capadócia) o local onde compra e o processo é exatamente o mesmo.

      Excluir

emo-but-icon

Página inicial item

Pesquisar no blog

Loja Viagema

Reserve seu Hotel

Celular no Exterior

PARA QUEM AMA VIAJAR

RECEBA NOSSOS POSTS

Curta no Facebook

Leia Também