09 julho 2012

Termos utilizados pelas cias aéreas: entenda e saiba seus direitos

O significado por trás de alguns termos comumente utilizados pelas cias.aéreas e algumas instruções para você não se perder ao comprar sua passagem. 
 
ACIMA: exemplo de simulação de compra de passagem pelo site da TAM


O que significam as expressões:

Trecho:  já vi gente dentro de avião perguntando e quem estava ao redor não sabia responder. Trecho quer dizer uma viagem de “mão única”, ou seja: só ida até determinado local. Então não se engane:  se o preço oferecido na internet é por trecho, para ir e voltar até uma cidade "x" você terá que pagar aproximadamente 2x aquele valor (dependendo do $ da passagem de volta).

One way x Roundtrip ticket: é a versão em inglês para passagem “só de ida” ou de "ida e volta”. Geralmente é um “quadradinho” localizado acima da cidade de origem, que você clica durante a busca de preço em um site, conforme desejar. Anos atrás praticamente nem vendia passagem avulsa só de ida, mas hoje em dia já é possível ir voando por uma companhia e voltar por outra, de acordo com o preço que achar mais barato. Mas atenção: para trechos internacionais longos normalmente não compensa, pois o preço de um trecho só fica quase o valor de uma passagem ida e volta inteira! Além do mais, quando chegar em seu destino podem querer verificar se você tem a passagem de volta (se desconfiarem de imigração ilegal por exemplo) e aí se você não a tiver em mãos na hora com certeza vai dar rolo!

Programas de milhagem: são programas de recompensas oferecidos pelas companhias aéreas com intuito de fidelizar o cliente, para que este sempre opte por voar pela mesma empresa, recebendo em troca alguns benefícios. Porém hoje em dia a maioria do pessoal que voa gratuitamente utilizando milhas é porque acumulou através da pontuação com os gastos do cartão de crédito, e não voando várias vezes pela mesma companhia. Cada empresa aérea tem seu programa de pontos. Aqui no Brasil a Gol e seus associados tem o programa Smiles e a TAM utiliza o Multiplus Fidelidade.

Taxas (extras): além do preço da passagem que você vê em grande parte das cotações online, existe também algumas tarifas extras, cobradas a parte, e de acordo com o tipo do vôo (nacional ou internacional) e os aeroportos de embarque e de destino. Ao valor da passagem sempre se somam as TAXAS DE EMBARQUE  e a TAXAS DOS AEROPORTOS, e pode ter também taxa de seguro e taxa de imigração/alfândega (em viagens internacionais). Quando divulgam preços de passagens e de promoção, quase nunca está incluso estas taxas, que não são assim tão baratas. Para vôos dentro do Brasil atualmente está R$21,50 por trecho (R$43 ida-e-volta), porém para vôos internacionais estes valores são mais significativos, sendo em torno de R$180-200 para ida+volta . Ou seja: viu um preço de passagem internacional, já calcule quase duzentos reais a mais por pessoa! ;-) (a não ser que diga explicitamente: com taxas inclusas)

“No show”: é quando você não comparece para viajar no dia e horário marcado, sem avisar ou ter feito nenhuma alteração prévia no itinerário. As empresas aéreas cobram uma taxa se você não comparece. Você não perde o bilhete, é possível trocá-lo depois, porém paga-se mais outras taxas, definidas de acordo com o regulamento  da passagem que você comprou inicialmente. As passagens do tipo promocionais e similares são as mais baratas e também as mais restritivas e cheias de taxas, então elas valem a pena para quem vai usar no dia e hora certinho! (pois para fazer qualquer alteração é bem provável que você pague taxas até mais caras que o próprio valor da passagem, aí não compensa)

E-ticket: não é o mesmo que cartão de embarque. É um "ticket virtual" que você recebe por email após comprar sua passagem aérea pela internet. O mais importante deste "documento" é o número da reserva, que geralmente aparece lá em cima em destaque. Imprima este arquivo em boa resolução (alguns possuem um código de barras) e leve junto até o aeroporto no dia da viagem para fazer o check-in, e só depois disso é que receberá seu CARTÃO DE EMBARQUE propriamente dito. 

Durante o trajeto do vôo:

Code-sharing: se ler esta expressão durante a compra do seu ticket, significa que seu voo será compartilhado entre duas ou mais companhias aéreas, ou seja: voará um trecho com uma empresa, e em uma das conexões terá que descer e pegar um avião de outra cia aérea. Não se paga a mais por isto, visto que os acordos são feitos entre as próprias empresas conveniadas, com o objetivo de aumentar a abrangência de suas malhas aéreas e dar mais opções de destinos à seus clientes. Você compra sua passagem com uma empresa, mas vai voar por 2 (ou mais) companhias aéreas diferentes.

Escala: é quando seu vôo não é direto até o destino final, e irá parar em alguma cidade no meio do caminho. Numa escala você não desce e nem troca de avião. É só ficar esperando ali dentro, que após os novos passageiros entrarem o avião decola novamente e dá continuidade ao trajeto.

Conexão:  é quando seu vôo pára em algum local no meio do caminho, e é preciso descer do avião e tomar outro vôo, que já tem horário pré-estipulado ao comprar a passagem. Não se enrole demais ou se perca nas lojinhas e nos restaurante do aeroporto, fique sempre de olho para não perder o horário de embarque, pois quando o vôo tem conexão você precisa fazer um novo check-in no balcão da empresa aérea. Dica: não marque vôos em que o tempo de conexão é muito pequeno entre a chegada de um e a saída do outro, pois se o primeiro trecho do vôo atrasar você correr o risco de perder o segundo, e aí não chega a tempo em seu destino final. Se o atraso for responsabilidade da cia.aérea e não seu eles te reembolsam ou colocam em um outro vôo num horário mais tarde ou em outro dia, mas é sempre uma complicação e dor de cabeça!

Stop over*: ah, eu adoro esta expressão! Se durante a compra de sua passagem ou nas regras gerais da empresa estiver escrito no regulamento que os vôos permitem stop over, significa que você pode parar e ficar alguns dias em um dos locais de conexão do vôo, geralmente sem nenhum custo extra. Ou seja: ao invés de viajar só para um lugar X, você pode optar por conhecer X+1 destino pelo mesmo preço! Exemplo: nosso vôo até Galápagos fazia 2 conexões, em Lima (no Peru) e em Guayaquil (no Equador), então optamos por parar em Lima na volta da viagem, para conhecer a cidade e arredores e depois continuar nosso vôo de volta para casa. Se você vai para a Ásia por exemplo, fique atento nos locais de conexão, quem sabe você não dá uma paradinha nos EUA na volta hein? #ficaadica e #fiqueatento nesta possibilidade! ;-D

Surface*: algumas empresas permitem que você faça um trecho via superfície (= surface, em inglês) em uma das conexões do vôo. Isto significa que você pode se deslocar “por terra” para outra cidade da região, e dali continuar sua viagem. Exemplo genérico: para chegar ao Canadá, seu vôo tem conexão em Nova York. Você desce em Nova York, visita a cidade e depois parte para outro local próximo, como por exemplo Washington DC, e de lá dá continuidade ao seu vôo. Ao invés de origem=>NY=>destino final, você faria origem=>NY / Washington=>destino final, tudo na mesma passagem e preço.

*Importante: se quiser fazer um stop over ou surface, é preciso comprar sua passagem através do call center da empresa aérea (via telefone) ou em alguma agência física da cia.aérea ou mesmo agência de viagem, pois não tem como simular estas paradas através do site das empresas. No caso da LAN por exemplo, não cobraram nada pela venda via telefone (costuma ter taxa fixa por passageiro), já que eles não oferecem a opção pelo site. Você deve se planejar antes, definindo quantos dias quer ficar no local de conexão/parada, e já ligar para comprar a passagem sabendo informar isso. Aí eles irão lhe indicar as possibilidades de horários de embarque (no dia escolhido) para prosseguir a viagem, pois como é um "vôo de continuidade" nem todas as opções estarão disponíveis.

E aí, já conhecia e estava familiarizado com todas estas expressões? Se só ficou conhecendo agora e se interessou, procure por estes termos para tentar otimizar e quem sabe aproveitar ainda melhor sua passagem aérea numa próxima viagem! ;-)

3 comentários:

Postar um comentário

OBS: os comentários passam por moderação, por isso não aparecem no blog no mesmo instante. Favor aguardar que até o dia seguinte no máximo será publicado e respondido.

PARA RECEBER A RESPOSTA EM SEU EMAIL E ACOMPANHAR OS OUTROS COMENTÁRIOS DESTE POST => clique no box "notifique-me", logo abaixo da caixa de texto (à direita).